8
mar
2017
Anotações nas nuvens

Anotações nas nuvens pra ter tudo junto de você

Você é daqueles que anota tudo e qualquer coisa em papelzinho, em post-it, no caderninho, na agenda, na mão? Anotações soltas podem te deixar maluquinho sem você nem ver!

Eu já conheci gente que tinha blocos de post-it dentro do carro e o painel era lotado de bilhetinhos. Também conheci quem anotava tudo na mão – pra não esquecer mesmo! – e ficava com a mão rabiscada o dia todo. Esses são casos visíveis, mas se você anota tudo em qualquer lugar, suas anotações ficam perdidas e até esquecidas – logo não adiantou de nada anotar, não é mesmo?

 

Tudo nas nuvens

Por isso eu amo essa tecnologia linda! Posso carregar todas as minhas anotações juntinho de mim mesmo quando estiver sem internet no celular, mesmo que eu esteja só com a tablet, mesmo que só tenha um computador de outra pessoa – tá ali, tudo comigo, na nuvem. 

Ao optar por anotar tudo digitalmente, você tem esses benefícios. Usar anotações na nuvem te possibilita acessar por qualquer dispositivo, inclusive do dispositivo de um terceiro – basta acessar com o usuário e senha. Não é mais fácil do que não saber onde tá aquele endereço que estava no post-it verde?

 

Aplicativos de anotações

Tem tanto aplicativo para anotações que poderia fazer um TOP 10 aqui. Mas vamos focar nos mais comuns e que realmente resolvem problemas e nos ajudam na mobilidade do dia a dia.

Google Keep

Vou começar dizendo que eu não consigo falar muito bem desse aplicativo. Quem me acompanha sabe que eu amo as aplicações e soluções do Google, mas tá aí a exceção.

As anotações são em formatos de cartões como se fossem post-its. Ficam ali, todos soltos na sua tela e filtrados por tags. Eu, particularmente, acho isso uma tremenda poluição visual e me confunde toda. Mas se você tá bem acostumado a ver post-its pela parede, talvez seja uma opção interessante.

O Google Keep está disponível na web, para iPhone e Android e não vi a opção de usar offline, então talvez você precise estar conectado na internet para ver e editar suas notas.

Notes da Apple

Opção para quem tem aparelhos da Apple. Não tem inúmeras funcionalidades, mas é sincronizado automaticamente com o iCloud (nuvem da Apple) e você pode acessar todas as suas notas através do Notes para iPhone, iPad e Mac – que já vem instalado – ou pela web no site do iCloud.

Diferente do Google Keep, você pode usar o Notes em modo offline. Você anota tudo e quando conectar na internet ele irá enviar automaticamente pra nuvem (iCloud).

Microsoft OneNote

OneNote é um aplicativo que eu gostava muito mais na versão anterior – achei essa versão 365 bem confusa, principalmente para quem está começando a usar.

Ele é uma opção bem mais robusta que o Google Keep e o Notes. Se assemelha a um fichário, que você pode ter várias separações e notas, além de ter várias opções de formatação do conteúdo.

É interessante para quem usa a maioria dos serviços do Microsoft Office 365 e já usa a nuvem da Microsoft (OneDrive). Nesse caso, ele sincroniza tudo na mesma nuvem que estariam seus documentos Word 365. Uma bela forma de ficar tudo integrado.

Você pode fazer suas anotações sem internet e quando estiver conectado basta sincronizar. Mas #ficadica: clique no botão de sincronizar para ver se foi mesmo; já aconteceu comigo de achar que ia automático e no final das contas nada estava na nuvem.

Evernote

Esse é o Elefante da internet. Ah, o povo ama o Evernote! Eu sempre indiquei bastante, mas não usava. Passei a usar ano passado e te confesso que ainda não o amo, mas ele já faz parte do meu dia a dia.

O Evernote é semelhante ao OneNote, mas a usabilidade dele é mais simples e agradável. Também funciona como um fichário que você pode separar em vários cadernos e ter várias notas soltas ou dentro dos cadernos.

Então qual a diferença entre eles? Tem vários detalhes que fazem toda a diferença, mas são duas grandes coisas que me fazem usar o Evernote ao invés do OneNote: a sincronização que raramente me deixa na mão; e a busca que é excelente, não só nas notas, mas também em imagens (tiradas através de um modo especial do aplicativo) e PDFs (disponível no plano Premium).

Está disponível para iPhone e iPad, Android, Mac e Windows e também tem uma versão na web para acessar direto do seu navegador. O contra aqui fica para a versão offline que está disponível apenas a partir do plano Plus, mas que não deixa de ser um bom investimento se você passar a usar a ferramenta no seu dia a dia.

 

Mas e aí, qual usar então?

A escolha de qual aplicativo de anotação é algo bem pessoal. Na minha opinião, o Evernote faria muito mais por você do que qualquer outro. Ele consegue atender mais perfis do que os anteriores, consegue unir todas as suas anotações em um lugar só e manter todas elas com você. Então acho sim que o investimento anual vale a pena, mas você pode começar utilizando o plano Basic que é gratuito.

Não importa por qual aplicativo você optou. Agora já sabe que tem opção e pode ter todos esses milhões de papéis soltos dentro de todos os seus devices, de maneira que você encontre tudo mais fácil através da busca.

Então me diz, tá pronto pra colocar toda essa papeladinha aí dentro do seu bolso?

You may also like

Agenda nas nuvens facilitando seu planejamento
Survival Kit Produtivo, os meus aplicativos do momento
Como criar uma agenda de contatos funcional
Como criar uma agenda de contatos funcional
Como acessar suas milhões de listas de todo lugar
  • Elaine Yasuoka

    Bru, há tempos li que no mac o notes não sincronizava mais com o iCloud. Bom, o meu parou de funcionar depois de alguma atualização de sistema… acho que foi pro Yosemite…rs

    • Ah, mas dá pra resolver, viu? Só entrar em Preferências de sistemas > iCloud e dar um check no notes. =)
      Testa aí e qualquer coisa me avisa. Antes era tudo no automático, agora a Apple deixa você escolher o que vai ou não pro iCloud, por conta do espaço que o iCloud Drive utiliza.